Criada a Associação do Parque Tecnológico de Uberaba

Por Redação 31/07/2020 - 00:00 hs

Por meio de videoconferência, assembleia geral, instituiu ontem a Associação Parque Tecnológico de Uberaba, visando à independência das ações de interação com empresas, academia e governo para eficiência e qualidade nos serviços oferecidos pelo Parque Tecnológico de Uberaba, o que conferirá agilidade nas decisões administrativas e técnicas em prol do desenvolvimento de Uberaba, segundo relatou a sua gestora, Raquel Resende. Conforme ela, a criação da associação foi planejada em conjunto com a Fundação Certi e a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Turismo (Sedec) para consolidar o propósito do Parque Tecnológico.

“Uma gestão administrativa e de C,T&I, (Ciência, Tecnologia e Inovação) mais autônoma nos permitirá vôos mais altos e garantirá o cumprimento dos objetivos e planos do presente e futuro, além de fomentar novas parcerias e a atração de novos empreendimentos, somada ao conjunto de políticas públicas que já colocam nossa Cidade em evidência. É uma evolução em modelo de governança, a exemplo de outros parques tecnológicos no Brasil e no exterior. É mais um passo importante para a consolidação do Parque Tecnológico de Uberaba, que logo terá também operante em seu complexo: o Centro de Inovação”, explica Raquel. 

Realização de um sonho. Sempre destacando o avanço e o crescimento do Parque Tecnológico em Uberaba, o prefeito Paulo Piau ressalta a escolha dos membros para compor a associação como um “novo tempo”. 

“Hoje se cria a Associação do Parque Tecnológico de Uberaba com membros do poder público e sociedade civil organizada. A associação terá autonomia administrativo-financeira, e seguirá sem interferência partidária, sendo um ponto de concentração das inteligências, de conhecimento, promovendo o desenvolvimento econômico, socioambiental de Uberaba, da região, do Brasil e do mundo, inovando, criando novas empresas de base tecnológica e oportunizando aos estudantes universitários se tornarem empreendedores. O Parque é uma realidade, somos um dos três de Minas Gerais, temos em Belo Horizonte, Viçosa e o de Uberaba, e isso é motivo de orgulho. Parabéns a todos”, afirma o prefeito.

Para o titular da Sedec, José Renato Gomes, “o dia é e deve ser considerado histórico ser lembrado sempre!”. 

“Uberaba acelera rumo à inovação. O Parque Tecnológico cria, a partir de agora, sua independência trazendo para o seu núcleo de decisão pessoas e instituições com o mesmo propósito. De sua criação até os dias de hoje foram quase 30 anos. Paulo Piau e Luiz Neto (ex-prefeito de Uberaba. E atual presidente da Codau) enxergaram ‘além das montanhas’ e quis a história que eles estivessem aqui para esses ajustes”, declarou o secretário.